Aqui é tudo puliça, rapah!! Nóis num somu professor!!!

Vocês leram a matéria da Revista veja??

Leram? Não? Acabaram de ler? Ok...

Mas essa matéria é de 2015!!!!?????  CALMA!! Este post/lembrança está sendo escrito/lembrado em 04/01/2015...

Dada a explicação acima, vale recomeçar contando que em 16 de outubro de 2008, após um período de quase um mês em greve, os grevistas, policiais civis, resolveram marchar até o Palácio dos Bandeirantes...

Eu já vinha "monitorando"/acompanhando/estudando esta greve quase que desde o começo, alias, saibam vcs que, por aqui passarem, eu, neste dia, acompanhei tudo, ao vivo, quase que desde o começo mas, infelizmente, na época, estava sem equipamento adequado então não trarei fotos e usarei vídeos de terceiros...

Pois bem...

A manifestação começou pacífica até que...


Aí tudo desandou como SEMPRE desanda quando o ESTADO solta os cães em manifestantes...

(E quando eu falo em cães, não me refiro de forma pejorativa, até pq amo animais, até mais do que amo muitos humanos... A comparação se deve a domesticação/treinamento/adestramento que ambos os seres vivos citados recebem fazendo com que uns domem a sua irracionalidade natural e outros adquiram uma irracionalidade mais segura -pois conforme o treinamento, na hora que vc pensa e discute uma ordem, vc passa a correr risco de vida e por em risco os que estão com vc-)


Antes de continuar, penso que vale corrigir/contar que, no vídeo acima, o "Civil" que subiu no carro, na verdade era um PM a paisana, mais especificamente o "Major Olímpio".

Explicado isto, vejam no vídeo abaixo, a razão do título escolhido nesta matéria...

Alias, diga-se, a razão DESTA MATÉRIA, qual seja:

"Aqui é tudo puliça, rapah!! Nóis num somu professor!!!"


Viram/ouviram?? Ok...

Vamos continuar indo para o último vídeo da trilogia... (foi duro reencontrar estes vídeos hoje - 04 jan 2015... Até os salvei, por segurança, no nosso canal -)

Mas, pois bem...

Repararam que no vídeo abaixo, dentre outras frases, temos a pérola:
"tem mais de 3000 homi armado aqui, bicho, ATÉ AS MUIÉ tão armada!!"


É...
  • Repararam no povo usando máscara/balaclava??
  • Repararam nas armas de fogo empunhadas??
  • Repararam no pensamento (infelizmente) adestrado e arrotado por ALGUNS destas categorias??
  • Repararam como até a Polícia Civil de Sampa (uma das melhores do Brasil e do mundo) age quando é reprimida pela PM??
  • Repararam nos machucados e no sangue??
  • Repararam no uso de viaturas e nas viaturas quebradas??
  • Imaginaram se não fossem Policiais Civis neste enfrentamento (ou em um enfrentamento igual e nas mesmas condições/proporções que este) mas qualquer outra categoria??
Pois é...

Tantas perguntas, tantas outras não feitas...

Aí, na véspera do início do novo ciclo de trabalhos do movimento Passe Livre, nós fazemos uma retrospectiva dos fatos e acontecimentos ocorridos desde junho de 2013 e lembramos que muitos Civis que estavam aí neste 16 de outubro, muitos Civis que não estavam mas torceram ou se horrorizaram de longe, muitos deles, enfim, em 2013 estavam ladeando, aceitando por no papel e dar guarida às histórias/lendas/abusos/distorções/mentiras/flagrantes forjados e outras coisas podres ordenadas por MAUS políticos e (ou) patrocinadas por MAUS militares, contra outras classes que, embora tenham cometido SIM alguns abusos, embora tenham usado máscaras, embora até tenham quebrado uma viatura ou outra, SÓ QUERIAM SE MANIFESTAR POR DIREITOS LEGÍTIMOS (sem uso de armas, viaturas e treinamento para combate...).

Fica pra pensar...

E, não, não acho que a Polícia Civil deveria se unir aos manifestantes e levar o caos para as ruas (embora todo movimento revolucionários, desde MUITO antes dos Zapatistas sonhe, idealize esta cena dos opressores baixando as armas e se unido aos oprimidos, mas), este não é o ponto, o ponto é que "pau que dá em Chico, também dá em Francisco", portanto o mínimo que a Civil deveria fazer (na humilde opinião deste blog) é ter coragem de deixar de ser MAIS UM cachorrinho de algum MAU governante e DIZER NÃO aos abusos, ilegalidades, crimes até, cometidos contra manifestantes e, quiçá, até repreendê-los com vigor (pois este é o seu papel constitucional...) Afinal, é como eu sempre digo Médico, Advogado, Policial, Fardado que comete crime, deixa de ser médico, advogado, policial, fardado que comete crime e passa a ser, simplesmente, como diria Forrest Gump, um criminoso... E quem se une a criminoso é cúmplice...

Até a próxima... E que comecem os jogos (estaremos lá OBSERVANDO)






Share on Google Plus

About Videoteca do Olhar Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário