[COLUNA] DOIS MINUTOS DE ÓDIO EM UM ADMIRÁVEL MUNDO NOVO

Coluna: Caverna do Tio Troll 
Autor: Tyrfang Hollydragon  





Referencias , sempre referencias, será que soa pretensioso demais ou sarcástico demais?

Well, desde quando isso importa, vivemos hoje como se não houvesse amanhã,  mal damos conta de entender o que está acontecendo nos noticiários e ainda sim criticamos à e à todos, não importa o que seja a culpa sempre será do Lula ou do FHC, maldita Dilma, ou picolé de Chuchu que não resolve nada. Vemos e escutamos todos os dias antes de dormir como foi o nosso dia, sempre intenso, não temos tempo a perder, nosso suor sagrado é bem mais belo que esse sangue amargo. Sangue de quem, nunca sabemos quem morreu esfaqueado, porque virou moda agora esfaquear ciclistas ou pessoas esperando nos pontos de ônibus, para que apenas assaltar se você pode enfiar a faca várias vezes na certeza da impunidade, ainda mais se tiver menos de dezoito anos, outro assunto cascudo, porque a culpa é sociedade, a culpa é do governo, a culpa é da violência social na qual os pobres jovens infratores estão cotidianamente expostos, mas a culpa nunca é deles também isentos em suas cápsulas de demagogia esquerdista e condenados dentro a hipocrisia reacionária da direita insurgente nacional, os menores criminosos já não sabem mais se são ou não culpados, mas os crimes cada vez mais violentos continuam a ser praticados, e a culpa? A culpa é minha, é sua, e de quem estiver lendo isso aqui e que continua votando, nos mesmos deputados federais, estaduais, senadores e governadores que não renovam suas políticas educacionais e semeiam monstros e ao invés de construir escolas propõem a construção de presídios para menores.

Educação, outro ponto de convergência, 80 dias em São Paulo de greve, ignorados pelo Poder Público, açoitados pelos descontos em folha, culpados pelos dias sem aulas dos filhos que são aprovados sem saber, pelo sistema criado pelos políticos que estão no poder que se recusam a discutir novas políticas e que aumentam os próprios salários, trabalham apenas três dias da semana  mas que descontam na carne do professores os sagrados dias de greve garantidos constitucionalmente. Direito esse que em Curitiba, foi esquecido, ou melhor, foi vilipendiado pelo nobre governador Richa, que fez questão de inventar Black Blocs imaginários e um fabuloso Plano Cohen, para promover um Massacre na Praça da Paz Celestial curitibana, onde professores armados de ideologia foram violados por Pit Bulls incitados por animais fardados, que usaram gás, balas de borracha disparadas contra os rostos dos manifestantes e bombas de efeito desmoralizante. Isso sem contar nas cacetadas, socos e pontapés, e as moças sendo arrastadas. Em Goiânia, a mesma violência impressa pela prefeitura petista. Logo percebemos que a educação é sem duvida um caso de policia no país da Pátria Educadora.

Pátria Educadora que cortou verbas da Educação no Ajuste fiscal, que não tem verba da combalida Petrobras para repassar do pré-sal que foi pro vinagre, que cortou vagas no PRONATEC, e diminuiu os financiamentos do FIES e PROUNI, sem contar o aumento de trinta e cinco reais para sessenta e três na inscrição do tradicional exame pataquada do ENEM, em que todos os anos aguardamos pela presepada de mais denuncias de vazamento de resultados e gabaritos.

E para concluir os dois minutos extensos ainda têm o Rei Cunha, governando a Câmara dos Deputados como se fosse um Templo dos Fariseus, ao melhor estilo Herodiano, tirando dos judeus e dando aos romanos, com direito a por em pauta assuntos já votados, ameaçando empresas, construindo shoppings Center de um bilhão de reais no meio da crise, aumentando os cargos comissionados, empregando as irmãs da igreja nos cargos técnicos sem o menor discernimento, só falta agora colocar uma banheira de ouro para falar com Deus, mas isso não pode porque já temos um maluco que faz, Cunha jamais repetiria alguém, mostrando os dentes ao próprio vice presidente Temer, uma temerosidade, agora nos resta esperar por mais um mandato impecável do palhaço, do Romário e de mais três ou quatro, porque como Luis Ignácio falou, Luis Ignácio, avisou são trezentos picaretas com anel de doutor.

Guerra é Paz, Liberdade é Escravidão, Ignorância é Força, e o Brasil é um país cada vez mais livre e forte.

Cambio e desligo

Viva o Grande Irmão! (Ou não...)
Share on Google Plus

About Tyrfang Hollydragon

0 comentários:

Postar um comentário