Machadadas em Série (s)

Coluna: Machadadas     
Autor: Ribas Machado



Olá!
Aproveitando a calmaria pré eventos de amanhã e de depois (que estaremos na rua cobrindo, tanto os do dia 12 quanto o do dia 13) e aproveitando a semana (que foi bem calma) pude matar a curiosidade e conhecer uma série de TV (que não tinha tido tempo de conhecer) e, com este "assassinato", acabei lembrando de outras duas bem batutas e com temática que vai ao encontro de muitos(as) que passam por aqui e (ou) que são protagonistas das nossas coberturas...

Isto feito, como amo seriados e como amo "top 3/5/10", segue abaixo uma relação batuta de seriados que você leitor(a) assíduo(a) do blog deveria conhecer (se não conhece e se não tem nenhum dogma de fé que o proíba de ver seriados "enlatados" hehe)...

Me refiro a:
  1. Tyrant 
  2. Aquarius
  3. Mr. Robot
- Na primeira (Tyrant -link no IMDB-), temos o dia a dia de uma Ditadura fictícia do Oriente Médio que entra em colapso, no melhor estilo da Primavera Árabe, quando da morte do Ditador (pai) e posse de um dos filhos. Evidentemente, até pelo formato em que a história é apresentada (seriado), acabamos tendo alguns temperos e tensões típicas de um romance, mas, seja como for, é muito interessante a relação entre os irmãos (são dois, um que morava no País e outro que morava nos EUA mas veio para o velório do Pai), a relação dos manifestantes, as manifestações, as ações que a ditadura "permite", as traições (boas e más) e todas as reviravoltas bem montadinhas... (Vale dizer que a segunda temporada está para começar...).

- A segunda (Aquarius -link no IMDB-), com uma mistura de realidade e ficção, ambientada na década de 60, narra uma historia envolvendo uma investigação/busca por uma menina de 16 anos "abduzida" pelo culto de Charlie Mason. Quem não quiser ficar seguindo o seriado aconselho (novamente) o filme Helter Skelter, que acaba mostrando/trazendo a mesma mensagem que gosto sempre de mostrar/trazer, qual seja, o perigo de se ficar aderindo a qualquer grupo, coletivo, seita, religião, romance o perigo que a moçada (e até muitos adultos) correm quando "precisam" de aceitação, precisam de pertencimento... Vale a pena assistir e pensar a respeito.

- E, por fim, a terceira (Mr. Robot -link no IMDB-) que, em tese, ainda nem estreou, que deixou um final (não vou contar), do episódio solto na net (creio que propositalmente), que tanto poderá destruir a "seriedade" da série quanto torná-la uma maravilha e, que trata/tratará do dia a dia de um grupo de hackers anarquistas e anti imperialistas (sinceramente estou apostando neste seriado, e gostei muito de grande parte do episódio de estreia).


É isso...
De resto, até a próxima e até amanhã e sábado se estiver pelas ruas ou voltar por aqui!


Obs: Vale registrar que não apoiamos, fomentamos, induzimos à Pirataria, até pq, tudo está na net, basta saber procurar... Não há nenhuma razão para alimentar um COMÉRCIO paralelo que dentre outras (muitas) coisas alimenta, por exemplo, o sofrimento do povo Mexicano e o desaparecimento dos 43 de Ayotzinapa (quem é entendedor, entenderá). Não estamos julgando o ambulante, desempregado, que fica com os dvds no chão das esquinas, pra poder se alimentar, viver, sobreviver, mas, sim... (quem é entendedor, entenderá)







Share on Google Plus

About Videoteca do Olhar Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário