Encontro de Bruxos em Paranapiacaba 13/03

Texto e Imagens: Ribas Machado
Imagens: Josiane Martins



É...
Pois é...
Há um ano atrás a CUT e amiguinhos, em defesa do PT, tomaram a Av. Paulista para defender a Petrobras...

Um ano depois, hoje, alguns saudosistas ainda davam o ar da graça...


Mas, o dia (em São Paulo) estava mais para outro tipo de ""manifestação"", menos no estilo "massa de manobra paga" e mais na "vibe" comemoração da "galera pão e circo" (que esta sem brioche e hoje em dia tem que pagar a entrada do circo e sentar na geral, junto com suas babás e motoristas).

Assumo que até queria ir dar uma olhada na festança, assumo também que (mesmo tendo opinião formada e registrada sobre o resultado destes encontros festivos) fiquei (um pouquinho) chateado em deixar este buraco aqui no site (afinal sempre cobri com imparcialidade todos os atos e todo o crescimento deste... Como dizer? Huuum... Tá bom vai... Deste """movimento""") mas, nos últimos minutos do segundo tempo (só pra entrar no clima futebolístico da avenida Paulista) soube que o O.I. Walmor Carvalho estava querendo limpar o Karma, por deixar tanto tempo de escrever por aqui, e havia se programado (técnica e mentalmente) para cobrir a Av. Paulista (em breve matéria aqui no site), então sosseguei, relaxei e fui cobrir outro evento com uma pauta mais condizente com a realidade... tsc tsc

Me refiro ao:


No caminho, por volta das 13h52, me encontrei, na estação Bandeira/Anhangabaú, com a O.I. Josiane Martins (que viajou comigo) e pude ter um gostinho do que (ainda bem) escapei...


Após encontrar a Josi, e desviar da patota de "torcedores da seleção" (sabe aqueles que só lembram do futebol quando tem Copa do Mundo), seguimos para a estação...


Onde 13h57, iniciamos todo o trajeto que nos deixaria na garoa da estação CPTM Rio Grande da Serra às 15h03


E, nas Brumas de Paranapiacaba às 15h47...


Nos localizamos direitinho...


Avistamos os templos da região...


(Gostei muito desta imagem, que consegui fazer, pois ela me 
remeteu ao filme "Brumas de Avalon", filme clássico e totalmente 
ligado ao tema do evento de hoje - Explico - SPOILER ALERTA!! 
No meio de bruxos, uma imagem de Nossa Senhora repousa 
em um templo Católico, coberto pelas Brumas)

E seguimos para eles, afinal toda benção é bem vinda...



Em seguida, QUASE fomos visitar o cemitério (QUE ESTAVA ABERTO) mas, embora visualmente MUITO BATUTA, resolvemos respeitar e só olhar da porta...


Aí, como sabíamos que ainda teríamos uma caminhada...
 

Demos início a ela...

Pelo caminho já conseguimos pautar uma nova/próxima visita


Vimos (16h30) bruxos indo embora...


E lá fomos nós...

Vale avisar para vocês não estranharem as imagens as vezes claras e cheias de iluminação, as vezes escuras cobertas pela névoa, pois nesta cidade a cada minuto tudo muda, é muito interessante e torna tudo mais batuta/bonito/mágico...

Alias, na foto abaixo a névoa estava indo passear...


E nos permitia ver...

A casa usada na novela VAMP (hoje em reparos, mas ainda quero visitá-la por dentro, aguardem)


O azul do céu...


A ponte da discórdia gótica

E outras cenas/cenários clássicos do caminho...


Mas, como já expliquei, os passeios da névoa não duram muito e lá veio ela de novo...


E lá fomos nós...



Agora já estávamos na parte baixa da cidade...

Curtimos um som (batuta viu!!??)


Quase tivemos o nome escrito em um grão de arroz...


Mas já estávamos atrasados... (e já tínhamos cruzado com bruxos indo embora)

Então...

Mesmo com vontade de ficar registrando os cães (muitos) da região...


Os mini cosplayers que visitavam a cidade


Junto com bandas de visual supimpa que aproveitavam o dia para fazer imagens de trabalho


Seguimos caminhando



Sem deixar porém de observar tudo que era possível...



Alias, tudo e todos (detalhe para este templo da Assembleia de Deus), como esta dupla que vendia seu trabalho na frente da Assembleia fechada.


Até que 16h57 (com quase 2 horas de atraso) chegamos no local do encontro... (detalhe naquela casa branca no centro/alto da imagem, pois ali é a mesma casa branca onde a dupla vendia seus trabalhos, ou seja é o templo da Assembleia de Deus - guardem esta informação/distância-)


Neste momento, estava acabando uma palestra sobre "animais de poder"





Palestra que durou até por volta das 17h11, quando, junto com (mais uma) chegada da névoa, foi dado um intervalo...


E, neste intervalo,


Pudemos interagir com o povo que organizava e participava do encontro...


Conversamos, registramos...



O evento, as pessoas e o entorno...





Eu amei esta foto (abaixo) da Josi (fica o registro)

Até que por volta das 17h35, aproveitando que a maioria dos participantes havia ido passear pela cidade e os organizadores estavam ocupados com alguns imprevistos e com a organização da programação futura...

A Josi resolveu passear e...


Nós dois, junto com o Fotógrafo (e amigo) Edson F. Reginaldo (que também estava por lá cobrindo o evento), saímos pela cidade...


Fazendo imagens...




E caminhando onde era possível (ou até algum vigia avisar que não podia...)










(Detalhe, na série acima, em como a névoa surge e some...)


18h04 (após o vigia não liberar de jeito -ético- nenhum o nosso aprofundamento onde queríamos caminhar) Estávamos de volta ao local do evento...



Mas como ainda estava no intervalo, aproveitamos para dar uma parada na Padaria Nova Paranapiacaba (a mesma que nos salvou no Encontro Gótico) para descansar e repor as energias (participantes do evento também haviam tido a mesma ideia...)


E assim foi até as 19h00, quando já de volta à concentração, acompanhamos o final da Última palestra (promovida por um Xaman de Campinas...)


Que rolava ao mesmo tempo em que o espaço onde ocorreria o ritual de encerramento era organizado...


E alguns retardatários voltavam do intervalo...



Neste meio tempo, fizemos alguns registros de participantes (e da névoa que aproveitava o flash para aparecer na foto)



Que, junto com outros...


Nos proporcionaram algumas imagens supimpas...




Até por volta das 19h51, quando a primeira chama foi acesa...


E o ritual de encerramento iniciou...










Aqui dá pra ter uma ideia da distância do templo da Assembleia de Deus e o espaço onde aconteceu o Ritual (dois focos de luz no fundo...)

Vale comentar que, por mais que vez ou outra, um ou outro grupo aumentasse o volume do seu ritual, em uma ou outra música específica, o respeito entre os grupos foi total, todos fizeram o que fazem nas suas crenças e ninguém incomodou/ofendeu ninguém...

21h07 ritual pagão findo, Dona Cecé, que (esperava o final de tudo comigo, também abrigada da garoa forte, pelo telhado da Assembleia) fez a ponte entre protetores de animais (da cidade -que, infelizmente é um local de "desova" de ninhadas-) e os participantes do evento (que trouxeram rações e produtos para cães), recebe muitas doações...




E...

Tudo finalizado, rações doadas e entregues, todo mundo feliz...

21h10 todos começam a tomar o rumo pra casa... (o caminho seria longuinho e chato, pois agora era subida com chão de paralelepípedo molhado)


Nós 3 (eu, Josi e Edson) até pensamos em fazer mais uma parada na Padaria mas...


Então o jeito foi apertar o passo, pois o próximo ônibus, que leva pro trem, iria sair as 21h30 (depois, só 22h30)


21h25 (sim, corremos bem - e hoje estou com as panturrilhas doendo... Ah! a idade-) estávamos na fila de entrada pro ônibus...


E lá fomos nós por todo trajeto de volta que me deixou na estação Bandeira/Anhangabaú (onde comecei a aventura) às 22h58


Lá, tomei as últimas conduções e, pude ir descansar (também) FELIZ (mas bem cansado, frise-se)

No fim...

Ficam os parabéns para os organizadores do evento e para os administradores da cidade de Paranapiacaba (que sempre me lava a alma e me carrega as baterias) e...

Fim!! Até a próxima!! (e vamos aguardar a matéria do Walmor Carvalho que, repetindo, foi passear na Av. Paulista)




Share on Google Plus

About Videoteca do Olhar Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário