Up!ABC - Medieval Kingdoms (Domingo)

Texto e Imagens: Ribas Machado



Antes de mais nada, algumas observações (que considero válidas):
  • Você terá uma experiência mais batuta, conosco, se nos visitar por um PC;
  • Você nos deixará muito feliz se curtir nossa fanpage no face, pois adoramos poder conhecer vocês;
  • Acreditem, eu (Ribas) adoro cada um de vocês, mas a maioria de vocês é composta de ótimos cosplayers, que fazem ótimos projetos, então, por favor não  se magoem se, porventura, eu não os/as reconhecer de primeira... Tomem isso como um elogio, ok?
  • SIM! Com ALGUMAS VARIAÇÕES (quem leu a cobertura do primeiro dia, sábado, irá reparar que), é o mesmo texto, até pq, embora bem mais cheio e com uma variação bem grande de pessoas e de cosplayers, foi o mesmo evento... Eu até ia seguir a mesma formula usada na BGS e na Bienal, mas, aqui, ficaria uma matéria enorme e MUITO pesada, pois SÃO MUITOS COSPLAYERS!!!
Hmmm...

Acho que, por enquanto, é só...

Foquemos agora no que mais importa e no que trouxe vocês aqui, ou seja, a cobertura de mais este Up!ABC...

Começo dizendo que (para mim, hoje) existem 2 eventos em São Paulo que conseguem ter este clima de festa, este clima de confraternização, este clima leve, este clima UP. 

Dois eventos tradicionalmente repletos de cosplayers e dois eventos onde, geralmente, vemos a estreia de novos projetos cosplay. Um geralmente fecha a temporada (em dezembro) e, diga-se, já foi marcado (EBA!!!) e o outro é o Up!ABC.

Este último (foco desta cobertura), para nossa/minha alegria, como costuma ter duas edições no ano, já havia tido uma edição em janeiro (que me deixou ótimas lembranças, tanto do sábado, quanto do domingo) e, neste ultimo fim de semana, nos presenteou com mais uma edição...

Evidentemente lá estive (Ribas...) e lá sempre estarei...

11h15


Dessa vez, como nas anteriores, Adorei cada momento que vivi/tive e trago boas lembranças, interessantes golpes do destino (que me surpreenderam) e outras surpresas que experimentei, mas....

Saí com a sensação de que faltou algo e, por mais que a nota do evento tenha aumentado bem (de 4,35 para 4,70 -em breve atualização do ranking-), eu me senti como na foto de capa, acima, ou seja, me senti sabendo o que queria (para a minha alegria estar completa) procurando (com o olhar), mas não encontrando...

Me refiro à mudança dos palcos e ao fato de, nesta edição, não terem chamado nenhuma banda (por várias razões oficiais e extra oficiais que ouvi e respeito, mas...).

É verdade (e ficou provado neste fim de semana) que o evento é maior do que isto, tá bom! Mas eu gosto de música, eu gostava do antigo palco principal e das fotos obtidas naquele espaço, os concursos cosplay e as estreias de novos projetos, ganhavam qualidade e visibilidade e, enfim, senti falta dessa "cereja do bolo"...

Mas, repito, no geral, tirando este detalhe, o evento (e a nota do evento) melhorou! E eu adorei isto!

Bom, deixando de lado o que não teve, vale citar algumas (de muitas) atrações que, ao contrário, lá estavam


E tornaram o evento ainda mais especial, como por exemplo (mas não só)...

  • A moçada da Ordo Draconis Belli
Com suas apresentações:




E atividades de forja, ao vivo!



  • A maquiadora Thais Milanesi



Que estava promovendo uma atividade de pintura corporal




Muito interessante por diversas razões, dentre as quais, o fato de tal atividade ser sutil e indiretamente uma forma de lutar contra (e educar o público contra) o assédio que, infelizmente ainda ocorre nos eventos e é sofrido por muitos/muitas cosplayers... (PARABÉNS à ela e à organização do evento que teve essa ideia/coragem)

  • A praça de alimentação (eu adoro comer hehehe) bem diversificada e com preços livres (sem aquele valor padrão/único, e alto, que vemos em alguns eventos mais comerciais), onde se destacava a estreia, em eventos, do delicioso (eu provei e todos podiam provar, pois havia uma guria oferecendo degustação) churrasco coreano do...

Capitaneado pelo Sae Kim




  • O pessoal (amigos do clã Fyrdraca) do Sword Play


  • Teve "La Muerte En Colores" com a Jey maquiando (gratuitamente, na Sala da Cosgamers) quem quisesse se tornar uma caveira mexicana...


  • Teve Maid Café (com as meninas do Chest of Wonders)




  • Teve apresentação K-Pop com as meninas classificadas (muito bem) no X-Factor Brasil! (nas fotos abaixo, junto com o Lucas Jötten, que vocês já conhecem bem, dos eventos K-Pop que cobrimos)

  • Teve Camarin cosplay (era mais um BOM centro de apoio, até pq as trocas não podiam serem feitas lá)



  • A moçada da Hipnose


  • As várias e variadas "lojas"


  • Os palcos


Onde (também) aconteciam os concursos Cosplay





E por falar em cosplay...

Eles/elas, como (já disse) sempre, presentes (individualmente, em duplas, trios, grupos...)



















































































 







E interagindo/"bagunçando" a valer



































O que tornava o evento ainda mais especial (do que ele natural e tradicionalmente já é...)

Mas...

19h38 no relógio


Hora de começar a se arrumar, começar a se desmontar para encarar uma chuvinha chata (que caía nesta hora) que, meio que anunciava a volta pra vida normal (e mais sem graça)


Até a próxima!!

Pq, por hoje...








Share on Google Plus

About Videoteca do Olhar Imparcial

2 comentários:

  1. Oi Ribas!
    Primeiramente, adorei te encontrar lá! Uma pena termos papeado pouco mas no momento começou a surgir várias pessoas e ficou uma doideira!
    De fato o evento estava com um clima bom mas eu senti um descaso com o público no quesito atrações...achei também mais vazio que a edição anterior e a galera parecia um pouco desanimada.
    Mas acho que a crise também é um reflexo disso.
    Ótima matéria e muito obrigada pelas fotos!!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Materia otima... bem redigida, fotos muito legais vlw ....

    ResponderExcluir