34º Festival Kodomo No Sono & 1º KÔ’SPLAY

Texto e Imagens: Ribas Machado



É...

Estava eu cobrindo o Anime Friends 2017, quando, numa (de várias) ida até CAEX/entrada de imprensa, para tentar resolver uma (de várias) situação e(ou) simplesmente bater papo com o povo que lá ficava (povo este, da assessoria -da Yamato e do Evento- que foi um dos destaques super positivos desta edição do AF), quando dou uma olhada no "saguão" e vejo um grupo de (por volta de 10) anjinhos usando cosplay!

Esfreguei os olhos, olhei de novo e... Sim! Estava vendo direito!!

Me informei com quem estava conversando e soube que era um grupo super especial que havia vindo visitar/abençoar o AF!

Acompanhei mais um pouco da movimentação deles e segui com o que precisava fazer (mas levei aquele grupo na cabeça).

Tempo passou e, então, soube que aquela visita era o primeiro passo de uma parceria que seria concluída dias depois durante o...


Aí, fucei um pouquinho, achei o site oficial do Festival (LINK) e, descobri que a...
Associação Pró-Excepcionais Kodomo-no-Sono é uma entidade sem fins lucrativos voltada à assistência e amparo às pessoas com necessidades especiais.
Descobri também que...
A sede está instalada em Itaquera (zona leste da Capital), onde são assistidas mais de 70 pessoas, entre homens e mulheres, na faixa etária de 25 a 74 anos.
Soube que..
Desde a fundação, a Kodomo-no-Sono é mantida por pessoas físicas e jurídicas por meio de contribuições mensais, por recursos auferidos em eventos beneficentes e doações esporádicas.

E, olhando um pouquinho mais o website desta entidade "fundada em 1958 pelo reverendo budista Ryoshin Hasegawa que veio ao Brasil no início dos anos 50 com a missão de estabelecer o Templo Budista Nippakuji em São Paulo".












Fiquei maravilhado com a sua (dela) trajetória iniciada pelo reverendo Ryoshin Hasegawa, que...
Ao entrar em contato com a comunidade nipo-brasileira, ficou preocupado com a falta de assistência aos deficientes intelectuais e mesmo de amparo e orientação aos seus respectivos familiares.

Assim, concomitantemente às atividades do Templo foi constituída a Escola Nippakuji (voltada ao ensino da língua japonesa) que abrigava o Departamento de Tratamento de Educação de Excepcionais que iniciou as atividades com 13 crianças.

Estes foram os primeiros passos da Kodomo-no-Sono (Jardim das Crianças) que em 1959 transferiu suas atividades para Itaquera numa chácara doada por Kichisaburo Iguchi, numa área de 15.470m².

Ao longo dos anos, nesse local, além dos alojamentos, refeitórios e salas de aulas, foram construídos ao auditório e o Centro de Treinamento englobando diversas atividades produtivas realizadas pelos assistidos.

Desde o princípio o lema do fundador foi “ Não para eles e sim, junto com eles!” - visionário, desde a fundação da entidade Ryoshin Hasegawa praticou e almejou a inclusão social antes mesmo da disseminação deste conceito. Desde então, tal é nossa luta e missão.

Diante disto, moralmente falando, não me restava outra alternativa senão tentar me agendar para tirar o atraso de 33 edições e, finalmente, agora, na sua 34ª edição, conhecer o Festival!

E assim foi feito!

É verdade que, infelizmente, não consegui lá estar no sábado quando, dentre outras atrações (muito batutas), o público pode assistir a "peça cosplay" do Grupo Cosmix (não precisa falar deles aqui no OI, não é?) mas, no domingo, lá fui eu...

Cheguei na estação Itaquera às 11h48



E rapidamente, sem nenhum esforço ou procura, já comecei a ver sinalizações/indicações do caminho que deveria tomar


Alias, indicações e, muitos, staffs com coletes chamativos, espalhado em pontos estratégicos da estação!!



E assim fui avançando tranquilo, sem estressar ou perder tempo (stress e perda de tempo como as vezes, INFELIZMENTE, ainda ocorre na chegada/no acesso de muitos eventos comerciais tsc tsc...)



 Até que 11h56 já estava acomodado em uma (de várias) vans disponibilizadas para levar o público ao Festival...



Esperamos encher (encheu rápido) e lá fomos nós, desfrutar de uma tarde muito agradável!

Ah! Pelo caminho, era possível observar MUITAS sinalizações!!!





E, por falar no caminho, ele não era curto mas, 12h18 estávamos desembarcando em segurança!


Aí foi localizar, conhecer pessoalmente (já havíamos "conversado" pela internet) e travar contato real com a simpática e eficiente Assessora de Imprensa Sra. Debora Mochida (muito batuta como, neste quesito, os eventos tem crescido tanto!!!), traçar algumas pautas, deixá-la em paz e seguir (também em paz) fazendo o primeiro reconhecimento do espaço/evento...

Inicialmente (12h21) fiquei assistindo a (já iniciada) Cerimônia de Abertura!



Repleta de autoridades (que prestigiavam o evento) e anjinhos (que abençoavam o local)










Em seguida, já emocionado (e assim fiquei por toda a tarde, por acaso -ou não- também abençoada com um dia/clima maravilhoso!)...




12h56 Consegui gravar algumas palavras do (sempre) gentil Vereador Aurélio Nomura



Assisti (13h00) um pouco da apresentação de taikô do grupo Sakura Fubuki


E, por mais que eu quisesse ficar lá assistindo as várias e lindas apresentações, tomei vergonha na cara hehehe e fui dar uma caminhada pelo espaço...






Atrações, situações e opções não faltavam!!!



Estrutura, segurança e conforto também não!!






Mas, morrendo de vontade de participar do Bingo...




Acabei voltando (13h25) para a região do Palco Principal (com show de Joe Hirata)




Onde me abriguei do sol



E de onde podia acompanhar...

O posto de confirmações de inscrição cosplay da Yamato...


Os cosplayers que estavam (aos poucos) chegando...



Apresentações folclóricas que aconteciam no palco...




E a movimentação das autoridades e dos artistas...


Tudo estava tranquilinho, mas o relógio (não para e) já marcava 14h52!

Os concursos cosplay estavam marcados para as 15h30...

Aí resolvi levantar da minha sombrinha e chegar mais perto do posto de confirmações de inscrição cosplay da Yamato (coordenado por dois queridos conhecidos -sempre eficientes e profissionais-...)



Os cosplayers faziam o mesmo...
















Enquanto o Cantor Ricardo Nakase animava o público




Então, 15h30, palco vazio...



E, 15h33, iniciavam as etapas (desfile e apresentação) do 1º KÔ'PLAY (valendo vaga para a final Brasil do YCC)


Obs: Aqui vale uma pausa para contar que a conclusão da parceria Kodomo No Sono & Yamato se daria (nesta edição) com a última (Yamato), retribuindo a visita (citada acima) e trazendo seu corpo de apresentadores, coordenadores, julgadores e campeões para, com toda a sua expertise, adquirida em anos de organização de eventos e concursos, organizar o 1º Concurso Cosplay (1º KÔ'SPLAY) em todas as 34 edições do Festival! E, como não poderia ser diferente, assim foi feito com sucesso!

15h34, Júri formado (e composto de um coord da Yamato e dois anjinhos do Kodomo)



E tem início a disputa de uma vaga na final Brasil do YCC!!!

Primeiro temos a etapa desfile simples...

































































15h46 Depois tivemos um desfile dos cosplayers anfitriões!!




15h48 Aí veio aquele momento batuta da foto oficial!!







E...




15h51 Temos o início da etapa das apresentações!








Todas feitas (sim, boa parte dos que participaram do desfile não participaram das apresentações...) e...

16h24 Iniciam os anúncios dos resultados, independentes, do desfile e da apresentação




E, por fim, tudo somado e equacionado, tivemos...

16h26 O anúncio do resultado do 1º KÔ’SPLAY e do (no caso) classificado para o YCC!!



E o nome dele é:

Paulo "Sweet" Melo




Resultado final conhecido (merecido, como outros também o seriam, e, razoavelmente, esperado -afinal de contas o Paulo, além de ser uma ótima pessoa e um ótimo cosplayer, apenas está, com esta vitória, ainda não atualizada, em 8º no nosso Ranking Brasil e, só pra citar um feito mais recente, foi, junto com a Fernanda "Kahsan" Souza, o nosso representante BR no Japão durante a grande final do WCS 2016-)

E seguimos, caminhando com a programação do Festival que ia chegando ao fim (em grande estilo, agora) com a apresentação de Edson Saito Y.ES Band




Enquanto o show e o sorteio final aconteciam...

Fui me afastando do palco...



E encontrando conhecidos pelo caminho...



 17h06 Alias, por falar em conhecidos, vale ouvir um pouquinho do que o Cantor Ricardo Nakase tem a contar deste Festival!!



E, ainda falando de conhecidos, olha a gentil Assessora Debora aí!!!





E olha quem ela trouxa para conversar conosco!!


17h12 Sim!! A Sra Liene, Coordenadora desta 34ª edição do Festival!



Muitos papos, histórias e fotos depois...



Entrei na van (onde, junto com todos os demais, GANHEI café quentinho e sanduicheS -sim, no plural-) e, com ela, iniciei meu caminho de volta...

Ainda emocionado e com o instituto, o evento e a oportunidade de uma tarde JUNTO com anjos, ainda no coração!!

Até a próxima!!


Share on Google Plus

About Videoteca do Olhar Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário