15º Anime Friends (1º Dia)

Texto e Imagens: Ribas Machado




Antes de mais nada, fica um desabafo para quem julgar batuta ler e quiçá aceitar...
Não importa quem começou, quem continuou, não importa o pq disso ter começado e até continuado até hoje, mas... 

Sério... Já deu, já tá mais do que na hora de se acabar com essa bobeira de marcar o Festival do Japão e o Anime Friends na mesma data!! Antes, quando o Anime Friends tinha (pelo menos) duas semanas, já era chato, mas, ok! Dava pra ir uma semana em cada. 

Mas... Além disto ser ridículo, hoje em dia (no início até pode ter começado como uma estratégia competitiva bem agressiva, relativamente válida), só prejudica o maior interessado e grande responsável por vocês ou você (caso o responsável seja apenas um dos dois grupos...) ainda existirem, ou seja, o público (pagante) que tem que escolher onde ir e, seguindo a máxima de algum gênio de plantão, que já ensinava que "cada escolha é uma perda", escolher o que perder...

Fica o desabafo e a dica (bem batida e nada original, acredito...)

Devidamente desopilado, bora falar do 1º dia do "NOVO" Anime Friends OU do Anime Friends em casa NOVA... (há controvérsias)

Bom...

Vale começar dizendo que caberiam muitas aspas neste (acima) """novo""", e também vale citar que ouvi/li/vi gente falando e esperando ambas as opções (novo AF e AF em nova casa), eu, meio que me senti num misto das duas opções, estava no Anime Friends de sempre (que eu adoro), só que em outro local (que eu não gostei), com "outra roupagem" (que dava a impressão de que o "defunto era maior"), se adaptando/no meio da mudança para ""outra casa"", um pouco renovado e diferente ou (usando uma expressão que ouvi e, embora crítica e discutível, é também bem cabível) dava pra se sentir em um...
"Anime Friends fazendo cosplay de CCXP
(autoria conhecida, mas deixa pra lá)

Mas eu gostei! 

Sério, eu gostei mesmo!!

Afinal eu gosto do Anime Friends e gosto de quem faz cosplay então sem grandes problemas quanto a isto...

O problema é que eu gostava do Campo de Marte (lugar antigo, que sempre sofria quando chovia -mas não choveu...VIVA MURPHY!-) e, como eu disse, "me senti no Anime Friends de sempre", o que foi bom, mas também foi ruim pois boa parte dos mesmos vícios desnecessários e desgastantes, ladeados pelo mesmo núcleo duro composto de (ALGUMAS, poucas é verdade, mas enraizadas...) pessoas responsáveis por estes vícios, ainda se fazia presente e estrag... ou melhor, não melhorava/mudava/construia o que se precisava melhorar/mudar/construir para que a o AF tivesse deixado de fazer um cosplay de armário e pudesse ter feito um cosplay campeão de YCCI, CWM, WCS da vida...

Obs: Eu teria curtido ver o AF entrar pro ranking cosplay aqui do OI, como campeão de um dos concursos citados acima, pena que AINDA NÃO FOI DESTA VEZ!!!

  • Tem potencial? Lógico!! Tem um dos mais experientes, audazes e criativos empresários de eventos do estilo que existe por aqui, mas, repito, ainda não foi desta vez...
  • Tudo foi ruim então!!?? NÃO!! Leiam de novo!! Eu disse que GOSTEI!! Eu disse que consegui me sentir no AF de sempre e eu GOSTO do AF de sempre, a questão não foi que estava ruim, muito menos que tudo estava ruim, a questão foi que a mudança não trouxe grandes melhorias/mudanças (o que pode ser bom mas, no caso, não era a intenção, ao contrário, ninguém muda tanto pra se manter no mesmo nível -com pequenas melhorias-)...
  • Teve melhorias então?? SIM!!! E, por falar em ranking, no de eventos cosplay, o AF terá uma nota mais alta este ano, principalmente, mas não só, pela Sala de imprensa, pela assessoria de Imprensa da Yamato e pela assessoria de imprensa contratada para o evento em si! Isto foi ótimo e trouxe para o evento um bom grau de profissionalismo no trato com a imprensa (que faltava), por mais que as vezes (a parte obsoleta de) o núcleo duro, com seus vícios e regras/manias velhas/antigas, atrapalhasse um pouco para se fazer uma cobertura batuta... (assumo aqui que como eu gosto de quase todo mundo e, tb, já sou velhinho e sei me virar, não tive grandes problemas, mas vi muitos colegas e coleguinhas reclamando de certas dificuldades sofridas);
  •  Não to entendendo nada então!! Calma!! Eu explico!! E, para tanto, eu diria que, eu estava no AF, na clássica sexta feira da semana do Festival do Japão, com pouca gente (comparado aos demais dias), em um dia de semana, com os mesmos staffs, mesmos coords, mesmas atrações (em quantidade diminuída, diga-se), mesmos concursos cosplays (também em menor número -só de exemplo, não teve final do YCC br-), mesmo formatinho (que eu gosto, mas tem muito a melhorar), mesmos defeitos de sempre (já muitos citados por aqui, em outras coberturas) e, portanto eu não tenho nada (de novo) a reclamar, ao contrário, se fosse pra falar só disso, só do AF clássico, eu até elogiaria, pois foi um AF com sala de imprensa, algum apoio e estrutura pra facilitar o trabalho (tomada, assessoria e Mupy hehehe), mais "palcos de verdade", porém a expectativa era de "algo épico", em um local fechado, seguro, super estrutura e cheio de novidades e, foi neste extra (que sinceramente, nem sei se era a intenção real, MAS ERA A EXPECTATIVA!!) que o AF ficou a desejar...





Explicado isto e focando, agora, só na mudança, EU faria o seguinte TOP3:


1- DISTÂNCIA/SEGURANÇA:

Eu diria que, não! Não ficou longe, muito menos mais difícil ou inseguro, muito pelo contrário, alias eu tomei o cuidado de sair do mesmo ponto sexta, sábado e no domingo (sim, estou escrevendo esta parte na segunda feira), ponto este que fica no fim da Av. Santo Amaro (que se chama São Gabriel) e o trajeto foi assim:

  • 10h24 no ponto

  • 10h40 no ônibus

  •  11h34 no Terminal Santo Amaro (onde poderia ter subido 4 quarteirões a pé, mas preferi esperar em segurança no terminal e embarcar...)

  • 11h34 no micro ônibus (que me deixaria...)

  •  11h41 na entrada do espaço do evento
 


2- ESTRUTURA DE ACOLHIDA:

  • Não tinham staffs no Terminal, nem na estação de Metrô Santo Amaro (pelo menos não foram vistos... Tradição no AF!);
  • Não tinham (não vi) vans, ônibus, helicópteros, charretes nada levando as pessoas do terminal/estação pro evento e trazendo de volta (outra tradição chata, nada de novo portanto);
  •  O trajeto estação/terminal até o espaço do evento estava bem sinalizado... (abaixo algumas imagens de quando desembarquei do micro ônibus -mas de dentro dele, pelo caminho, vi várias placas e faixas...-);

  • Da rua até o evento em si, tinha uma relativa caminhada que podia ser feita em segurança e prazerosamente, até pq estava uma manhã de sol, relativamente fria... AINDA BEM QUE NÃO CHOVEU, senão...
 


  • Chegando no evento, o zigue zague (horrível para quem esta carregando cosplay) estava bem montadinho e os guichês estavam bem divididos e sinalizados...





  • Passado o Zigue Zague e a conferência/ou compra, as pessoas ficaram esperando a abertura oficial, quando então foram direcionadas a um corredor que levava até a entrada oficial...

  • Entrada esta, também bem sinalizada e bem informativa


3- O NOVO LOCAL/ESTRUTURA INTERNA:

  • Repararam no caminho acinzentado, que segue da entrada até a saída? Pois é... Este é o tal (longo corredor) por onde as pessoas passaram para realmente entrar (conforme citação acima) e, em breve, vocês verão no vídeo/registro dos primeiros a entrar...
  •  Olhando o mapa parece relativamente fácil caminhar lá dentro não é? Mas, acreditem, era BEM difícil, não tinham sinalizações (das ruas, de pontos chave...) de teto (já bem batidas em eventos que TEM TETO), mal tinham sinalizações de chão... Além disso os "locais do local"  eram bem grandes e extensos, perdia-se muito tempo tentando se localizar e, facilmente, os mais bobos, como eu, se perdiam, ou andavam em círculos pois os estandes serviam meio como paredes de um grande labirinto; 

  • Era um espaço de eventos, coberto e com boa estrutura de apoio e de segurança mas, ainda prefiro aquele retão com luz natural do campo de marte, onde todo mundo se via, se encontrava, posava, fotografava, interagia, se divertia e dava vida ao evento e, quem quisesse entrar em ruas e corredores apertados, cobertos e com luz ruim, onde em cada pose pra registrar o momento aparecem mais 40 pessoas atrás e dos lados, tinha a opção da área de estandes;
  •  A questão do credenciamento, teve uma sensível melhora!! Não vi "crianças" credenciadas e soube que muitos "tiradores de foto", youtubers, e "vendedores de shoot" foram peneirados (NADA CONTRA ESSA PATOTA, mas sempre defendi que se criassem credenciais diferenciadas com acessos diferenciados pois um jornalista ou um fotógrafo com MTB tem um foco um "pouquinho" diferente de alguém com uma máquina fotográfica boa ou um canal de youtube. Que todos estes entrem de graça, mas que exista uma -ainda- melhor divisão para que a pauta de uns não atrapalhe -ou seja atrapalhada- pelos negócios -ou a diversão e os selfies- dos outros), outra peneira RAZOAVELMENTE INTERESSANTE foi a diferença pulseira x pulseira e credencial... Isto tudo foi um algo mais, bem batuta MAS (sempre tem um) precisa melhorar e ser mais criterioso, até pq, algumas situações e locais dependiam muito mais da amizade com o coord antigo, velho, desgastado e cheio de vícios e manias, ou do nome da credencial própría -leia-se TVs- do que da pulseira, credencial em si, este amadorismo e desrespeito -de POUCOS- ainda é bem cansativo);
  • A parte da comida, ah a comida!! Aqui eu diria que foi a pior parte da mudança pois, caímos na mesmice e nos altos preços destes "salões de evento" que meio que trazem agregadas algumas regras e bandeiras próprias... Isto acaba caindo em uma qualidade medíocre (afinal ninguém ali precisa melhorar pois sabe que não tem competição), preço iguais e fora do mercado, e, pior de tudo, não teve a turminha batuta das japonesinhas fofas, gentis e meigas que eu adoro, da barraca do AÇAI!!!! 

Feito este TOP3 eu diria, de forma bem resumida, que...

Se a intenção era:
  •  Melhorar o AF, e protegê-lo da chuva, dando um pouco mais de condições estruturais, até melhorou mas... Para o ano que vem seria batuta escolher outro lugar, quem sabe até onde foi o próprio Festival do Japão (mais uma razão para não serem na mesma data), e resolver os pontos citados acima.
 Mas se a intenção era:
  • Mudar totalmente (pra melhor) o AF, aí eu diria que a proposta fracassou grandemente pois, repito eu me senti no AF clássico (versão Lollapalooza) em um local pior e, isto não dá... Pra fazer um cosplay de CCXP (não sei se era a intenção) todo o formato AF tem que mudar, e, sinceramente, não sei se precisa disto (da minha parte, eu não curtiria pois, REPITO, eu gosto do AF!).


Análise (cansativa mas, julgo, necessária) feita

Borandar com a cobertura do evento, em si...

Evento este que...

12h34, teve as primeiras pessoas entrando em sua nova casa...



Entrada esta que acompanhei um pouco até começar (o susto que a Pérola me deu, não conta hehehe) a registrar os primeiros cosplayers...



 
E amigos...
 

Daí, uma vez a abertura oficial tendo acontecido, nós da imprensa também pudemos entrar (pela saída -do mapa, lá em cima-) e, já dentro...

Passo na sala de imprensa (a curiosidade era enorme hehe), me instalo, vou me acostumando com as novidades e, então, 13h30, quem entra lá por engano? Os PIOLOGO!!


Fazemos o registro (já clássico), eles seguem pra passear pelo evento e, eu, minutos depois faço o mesmo...

Mal começo a andar (e a me perder) e encontro (14h20), de cara, a turminha da Liba Cos Funny que já havia até arrumado uma mesa pro card game...



Algumas fotos...





 E crossovers angelicais :)





Por falar em crossover...



Nisso, já abençoado hehe

Segui pelo evento...

Conhecendo, me perdendo, me achando e registrando...





Essas paredes pretas de alguns eventos foram uma boa (fica a dica pra futuros eventos...)






Pelo caminho, encontrava bastante (proporcionalmente falando, pois pro tamanho do local, frise-se, estava bem vazio -como as sextas costumam ser-) conhecidos queridos...



Com quem aproveitava para interagir...





E seguia caminhando pelo evento (15h22) ...




Ouvia um pouquinho dos amigos (que tocam e cantam)...




Encontrava outros tantos amigos

Que dançam...


Lutam com espadas...



Amam animais...



Fazem cosplay...



Olha a Pérola aí!!



E muitos outros encontro foram acontecendo enquanto o relógio andava e vez ou outra eu parava, as vezes para...

16h51 Me divertir e dar boas risadas vendo a apresentação dos Piologo






17h49 me deprimir e quase chorar, sentindo a falta de um amiguinho que, em anos passado, estaria próximo a este carro levando alegria pra quem passasse por perto...


Mas...

Bora continuar com a alegria (pois é o que ele gostaria...) e com o registro dos cosplayers batutas






Até por volta das 18h15 quando o Ninja Jiraiya (Takumi Tsutsui) apareceu no Palco FONTT drink energy (Que era coordenado pelo amigo Diego Ragonha) o melhor palco de todo evento! Principalmente no quesito clima e na falta de frescura! Lá, atrações blindadas em outros palcos (DO MESMO EVENTO) estavam livres pra interagir com a plateia numa boa, conversar numa boa, fotografar... Não tinham grades, seguranças, gente chata do estilo "cara/crachá", enfim... Era um palco no melhor e saudoso estilo convenção de fãs!!





 

E por falar na tranquilidade e na espontaneidade do palco, ouçam o Jiraiya fechando o bate papo (18h46), VIRADO NO JIRAIYA!!


Depois posando (primeiro pra mim, orgulhinho bom) pra fotos





E posando comigo!!!!!!

E com a turminha do LIBA COS FUNNY!







Passado este momento fã, mágico e saudoso, me recompus e como o Palco Fontt já estava quase encerrando as atividades, saí passeando pelo evento...

Fazendo registros, enquanto o Show da DO AS INFINITY não começava...











Olha quem achei pelo caminho!!!!


Nisso, relógio marcando 19h30, lá fui eu para o palco principal (isso foi o único ponto batuta do espaço, e do formato do espaço) palcos legais e distantes um do outro) pois o show estava começando...

Olha o Jiraiya lá na plateia!!!



Mas como, infelizmente, eu por lá não estava SÓ pra curtir, passados alguns registros da área reservada, voltei pra galera...

Sempre registrando...

Cosplayers...










A estrutura...



E famílias/crianças curtindo o evento numa boa e em segurança!!






E, lá pelas 21h06, o povo já se encontrando e se preparando pra voltar pra casa...




E foi isto!

Este foi o primeiro dia...

Não estava vazio!!!

 (visão lateral do palco principal, 20h07)

Mas, até pelo tamanho do evento, posso dizer que também, não estava cheio...

 (visão frontal do palco principal, 19h57)

Seja como for, até a próxima (que já será amanhã e, ainda será no Anime Friends)

Até!!!




Share on Google Plus

About Videoteca do Olhar Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário